NOTICIAS Principais Notícias Slides

PRESIDENTE DA CODEC SE REÚNE COM DIRETORIA DA ACIM

A ACIM (Associação Comercial e Industrial de Marabá) recebeu, na manhã desta quinta-feira, 26, a visita do presidente da Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec), Lutfala Bitar. Acompanhado pelos diretores Pádua Rodrigues e Raimundo Wanderley e pela gerente regional Elizaira Lima, ele se reuniu com o presidente da ACIM, Raimundo Nonato Júnior, e outros dirigentes da entidade, a fim de ouvir a Associação a respeito do Distrito Industrial de Marabá (DIM).

Após receber as boas-vindas de Raimundo Júnior, Bitar disse que ele e sua equipe estão percorrendo os quatro Distritos Industriais do Estado – Ananindeua, Barcarena, Icoaraci e Marabá -, todos de responsabilidade da Codec, com o objetivo de verificar in loco as condições de cada um e traçar um plano a ação de acordo com a vocação de cada região onde estão implantados DIs.

Pádua Rodrigues, que é diretor de Estratégia e Relações Institucionais da Codec, disse que o propósito é alinhar algumas ações em coordenação com as organizações locais, para dar apoio no ordenamento do Distrito Industrial.

“A ideia é superar os desafios e reforçar o nosso compromisso com a população de Marabá, no sentido de colaborar para o desenvolvimento econômico e a geração de emprego e renda na região”, explicou.

Lutfala Bitar afirmou que a Codec não vai trabalhar sozinha e sim com a parceria das Associações Comerciais, Câmaras Municipais, Ministério Público, prefeituras e empresas, numa articulação conjunta nas cidades em que há DIs.

Raimundo Júnior e o presidente do Conselho Superior da ACIM, Ítalo Ipojucan Costa, ex-presidente da Associação Comercial, falaram sobre os entraves presentes no DIM, que impedem a atração de novos empreendimentos, como as invasões em áreas do Distrito, o avanço dessas invasões, a ocupação de vários lotes por empresas que hoje se encontram inativas, o Minidistrito e a segunda etapa do DIM, entre outros assuntos. Na oportunidade, o presidente da ACIM entregou a Lutfala Bitar um documento com seis reivindicações para a melhoria do Distrito Industrial local.

Nos três dias que passou em Marabá com seus diretores, Além da ACIM, Lutfala Bitar esteve na Gerência Regional da Codec e se reuniu com a Câmara Municipal, com o Ministério Público Estadual e com a Prefeitura Municipal.       “Não se pode atrair investimentos se o Distrito tem problemas a solucionar. E esses problemas devem se solucionados de tal ordem que o empresário sinta segurança ao vir aqui e instalar a sua indústria o seu negócio. De modo a verticalizar essa imensa produção extrativista, para que haja o desenvolvimento de toda a região e de todo o Estado”, avaliou ele.

Outra preocupação do presidente da Codec é a baixíssima participação de tão rica região no PIB nacional. “A região tem a maior província mineral do planeta e a nossa maior preocupação é que essa riqueza não sirva apenas para grandes organizações e para outras regiões. Ela tem de ser transformada em riqueza no nosso Estado, de tal ordem que a nossa participação no PIB nacional, que é de 2% a 3%, muito pequena, portanto, seja mais significativa no País”, afirmou.

Ricardo Pugliese, secretário municipal de Indústria, Comércio, Ciência, Tecnologia, Mineração e Turismo, e ex-diretor da ACIM, lembrou que as três fases do Distrito que estão bastante comprometidas, com diversos problemas, que precisam se equacionados.

“Eles [Lutfala Bitar e diretores] estão levando uma série de proposições, para que comecem a nos dar resposta. Essa visita vai gerar bons resultados nos próximos meses”, disse Pugliese, acrescentando que o prefeito Tião Miranda o encarregou de acompanhar os trabalhos da Gerência da Codec em Marabá e colocar a prefeitura à disposição para ajudar no que for possível.

Raimundo Júnior, presidente da ACIM destacou o fato de a Codec ter vindo a Marabá para conhecer um pouco mais da nossa realidade: “Foi uma reunião extremamente proveitosa, na qual a ACIM entregou um documento oficial relatando os principais gargalos que travam o desenvolvimento econômico regional, que perpassa pelo DIM. Colocamos aquilo que imaginamos sejam os caminhos que o município de Marabá, por meio da prefeitura e também da ACIM, junto com a Codec, que representa o Estado nesse setor, devem trilhar para que nós possamos alavancar a gearão de emprego renda e a geração de divisas, por meio de impostos, com novos empreendimentos vindo para Marabá”.

Participaram ainda da reunião os seguintes diretores da ACIM: Paulo da Costa Alves (Assuntos Especiais), Klênio Ayres Santiago (Executivo), Mauro de Souza (Conselho Superior), Alberico Roque (Assembleia Geral), Joel Nogueira da Silva (Comercial), Raimundo Alves Neto (Turismo), Griego Duarte da Silva (Conselho Fiscal), Flávio Correa de Souza (Comunicação), Clebes Rodrigues da Silva (Tesoureiro) e Quelma Chaves Gonçalves (Executiva de Relacionamento).

ASCOM/ACIM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *