NOTICIAS Principais Notícias Slides

CONJOVE-ACIM abre o Bate-Papo Empreendedor 2019 com Cláudia Felipe

O CONJOVE (Conselho de Jovens Empresários), órgão permanente da ACIM (Associação Comercial e Industrial de Marabá), promoveu na noite do último dia 30 de janeiro, o primeiro Bate-Papo Empreendedor de 2019. O encontro, que desde setembro do ano passado acontece com novo formato, fora da sede da ACIM e em ambiente mais descontraído, aconteceu no Bar Maverick 73 e teve como convidada a empresária Cláudia Aparecida Felipe, vice-presidente da ACIM e proprietária das concessionárias Disbrava Chevrolet e Hyundai.

Cláudia nasceu em Pires do Rio (GO), é formada em Direito pela Pontifícia Universidade Católica (PUC), casada com Ronaldo Mesquita Vieira e tem um casal de filhos, Paulo Henrique e Maria Cláudia Felipe Vieira.

Empresária na área rural em Goiás, ela chegou a Marabá em 2006, onde se estabeleceu com o ramo de veículos, com a concessionária Disbrava Chevrolet. Começou o empreendimento com 34 funcionários e hoje tem em sua folha de pagamento 220, distribuídos em quatro concessionárias e três pontos de venda, em Marabá, Parauapebas e Imperatriz (MA).

 “Eu era gerente-geral de uma concessionária e vim para cá como sócia de uma empresa do mercado automobilístico, que é extremamente competitivo”, conta ela, acrescentando que venceu e chegou onde está “com trabalho e coragem”.

Para Cláudia Felipe, para ter sucesso no mercado competitivo é preciso: um bom produto, um bom processo de venda – atendimento de qualidade, venda bem administrada e pós-venda -, e pessoas capacitadas.

Indagada sobre como enfrentou o auge da crise econômica que afetou e ainda afeta o País, Cláudia afirma que da dificuldade tirou um grande ensinamento, buscou trabalhar mais, cuidar mais das pessoas, para que elas não ficassem desmotivadas diante de algumas medidas amargas, e buscou muito o cliente, redobrando a qualidade do atendimento.

“Investi no meu pessoal muito mais do que já investia, fiz coaching com praticamente todas as lideranças bem no auge da crise e foi uma grande sacada. O coach ajudou a desenvolver as pessoas, os líderes, os assistentes”, conta ela, acrescentado que venceu a fase crítica com muita fé em Deus, muita dedicação e muita responsabilidade: “Não temendo, sempre acreditando que tem solução e parando para respirar, porque tudo passa”.

Assim, ela viu o ano de 2018 como bem melhor que o ano anterior, o que fica comprovado pelo crescimento das empresas de Cláudia, em 18%, em relação a 2017, gerando mais empregos por necessidade de ampliação do quadro de funcionários. “Agora estamos começando a investir em outros segmentos, temos tudo para começar 2019 com muito sucesso”, comemora, observando: “O brasileiro é o povo mais empreendedor do mundo, diante das dificuldades cria oportunidades e 2019 será nova etapa de trabalho”.

Caetano Reis Neto, presidente do CONJOVE, considera Cláudia Felipe uma empreendedora visionária, que veio para Marabá e, hoje, além da Disbrava, “é uma das melhores concessionárias da Hyundai no Brasil e acaba levando longe o nome de Marabá nesse cenário”.

Apesar de já começar o ano com o Bate-Papo Empreendedor, Caetano afirma que o calendário de ações do CONJOVE para 2019 ainda está em elaboração e que este ano, quer fazer diferente: “Estamos programando um grande evento, onde vamos conclamar toda comunidade do comércio para o lançamento do Saldão de Aniversário e do Feirão do Imposto, no primeiro semestre; e do Liquida Geral e do segundo Um Sonho de Natal, no segundo semestre, informando a data, o período, em que cada ação acontecerá. Assim, todos poderão se programar, sem surpresas e sem atropelos”, antecipa ele.

O presidente do CONJOVE estará no próximo dia 13 em Maringá (PR), na posse do novo presidente do CONAJE (Conselho Nacional dos Jovens Empresários), Marcelo Masso Quelho Filho. Com Caetano Reis segue o também diretor do Conselho de Jovens Empresários de Marabá, Ergino Ferreira.

Para o presidente da ACIM, o empresário Raimundo Nonato Araújo Júnior, as ações que o CONJOVE desenvolve são muito positivas, porque têm principalmente o papel de incentivar a todos os empresários mais novos a permanecerem no objetivo de fazerem seus negócios prosperarem.

“O Bate-Papo vem na linha da troca de experiências, trazidas pelos mais experientes, para que os mais novos se sintam mais acolhidos, conheçam o caminho das pedras e também conheçam o caminho das flores. Ou seja, com a experiência adquirida com os depoimentos dos empresários veteranos, os jovens se sentem mais seguros e fortalecidos para continuarem os seus objetivos no caminho do empreendedorismo”, avalia Júnior.

ASCOM/ACIM