CONJOVE NOTICIAS Principais Notícias

Comerciantes afirmam que o III Liquida Geral superou as expectativas

Conforme a previsão do CONJOVE (Conselho de Jovens Empresários de Marabá), o III Liquida Geral superou as expectativas. Realizada na sexta-feira, 10, e no sábado, 11, antevéspera e véspera do Dia dos Pais, que transcorreu no domingo (12), a campanha teve este ano a participação de 160 empresas do comércio e serviços de Marabá.

Tradicionalmente, a data em homenagem aos pais não movimenta muito o comércio, ao contrário do Dia das Mães, Dia dos Namorados e Natal, consideradas o pote de ouro no fim do arco-íris. Este ano, entretanto, foi diferente exatamente por causa do III Liquida Geral.

No sábado, 11, era visível o contentamento dos empresários que participaram da campanha, a grande maioria dos quais disse que já na sexta-feira, 10, havia tirado o valor investido no kit da campanha, que incluiu, além de camisas e adesivos, três palestras voltadas para as empresas e seus colaboradores, de significativa importância, como preparação para os dois dias de promoções.

Antônio Pinto Souza Filho, proprietário da Minas Calçados, lembra que foi um dos primeiros, em 2016, a vestir a camisa do I Liquida Geral, que focou no comércio da Marabá Pioneira, mas, a partir do segundo, se estendeu a outros núcleos da cidade.

“A cada ano melhora. Este ano está bem melhor que no ano passado, essa é uma campanha que não deve parar. Quem não aderiu está perdendo a oportunidade de divulgar e massificar o nome de sua empresa. Venha para o liquida no ano que vem, vamos fazer a diferença”, conclamou.

Público correspondeu a todas as expectativas e lotou os principais pontos comerciais da cidade.

Outro empresário do comércio, Ergino Ferreira das lojas A Principal, especializada em artigos para mamãe e bebê, disse que no primeiro dia a venda foi sensacional e no sábado seguia o mesmo ritmo: “Estamos prevendo um crescimento de 25% em relação ao ano anterior. O consumidor está se conscientizando dessa campanha e respondendo às expectativas, acreditando e tendo uma relação de confiança com as empresas. Estamos muito felizes em participar”, comemorou ele.

João Vasconcelos, proprietário das Lojas Maraluz, disse que o III Liquida Geral foi um sucesso. “Muito bom, melhor que o do ano passado. Aconselho que os demais empresários do comércio façam sua adesão no ano que vem porque, juntos, somos mais fortes, quanto mais lojas, mais o mercado fica aquecido”, atestou.

A empresária do ramo de moda, Antônia Freitas, a Toinha da Facce Nova, estava muito contente com os resultados do III Liquida Geral: “Estamos superando as expectativas. O cliente que entra na loja compra. Batemos as nossas metas e este ano a campanha está melhor que a do ano passado”, enfatizou ela.

Na avalição do gerente regional do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Pequenas e Médias Empresas), Marcelo Araújo, o III Liquida Geral foi um “sucesso total”. “A gente vê aí a população aproveitando este momento que o comércio está proporcionando e o efeito muito positivo para os empresários. A expectativa é a mais positiva possível”, disse ele.

O empresário Henrique Rocha, do Grupo Óticas Hellena, uma das empresas patrocinadoras do III Liquida Geral Marabá, disse que a campanha é o momento em que os comerciantes se unem em prol do comércio. “A Antônio Maia está movimentada como nos tempos antigos. Então, é muito importante que todos os empresários participem”, afirmou.

Equipes do CONJOVE e SEBRAE visitaram diversas lojas no sábado, 11.

“Nós das Óticas Hellena acreditamos no Liquida Geral. Esse acreditar é de fato verdadeiro, é um evento no qual todos os comerciantes se unem e fazem o comércio voltar a ser forte, ser grande, como deve ser. E aí a gente motiva o nosso pessoal, os nossos colaboradores”, avaliou ele.

Na visão de Henrique Rocha, todo mundo compra a ideia do evento e o evento fica bonito. “O resultado é esse, as lojas estão cheias, estamos conseguindo vender e atingir as nossas metas. No, no ano que vem, se Deus quiser, queremos estar juntos de novo como patrocinador”, antecipou.

Para o presidente do CONJOVE, Caetano Reis Neto, “o sentimento é do dever cumprido” ao constatar que o Liquida Geral, que em 2016 começou com a adesão de 70 empresas, desde o ano passado cresceu com a participação de 125 empresas, contabilizou R$ 9,4 milhões em vendas e este ano, com a adesão de 160 empresas, deve superar os R$ 12 milhões nos dois dias.

“Conseguimos este ano transformar o Dia dos Pais, uma data que até então era de poucas vendas, numa data que movimentou, como nunca, o comércio de Marabá. E não só no Centro Comercial da Marabá Pioneira, mas o de todos os núcleos. Queremos agradecer aqui o apoio da ACIM (Associação Comercial e Industrial de Marabá), da qual o CONJOVE é membro permanente, do Sebrae, da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), do Sindicom (Sindicato do Comercio Varejista de Marabá), da Prefeitura de Marabá, por meio da Sicom (Secretaria Municipal de Indústria e Comércio), do Grupo Zucatelli e das Óticas Hellena”, concluiu ele.

A partir desta segunda-feira, 13, o Sebrae começa a trabalhar nos dados informados pelas empresas participantes da campanha para, em breve divulgar o resultado quanto ao volume de vendas do III Liquida Geral Marabá.

Por ASCOM / ACIM