NOTICIAS Principais Notícias

ACIM e produtores rurais entregam a Jair Bolsonaro documento com reivindicações de Marabá e Região.

A ACIM (Associação Comercial e Industrial de Marabá), desta vez em conjunto com o Sindicato dos Produtores Rurais, Associação dos Criadores do Pará e outras representações da Sociedade Civil Organizada, entregou, na noite de ontem, quinta-feira (12), ao pré-candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), documento em que reivindica maior atenção do governo federal para com Marabá e regiões sul e sudeste do Pará.

São reivindicações da classe empresarial, no tocante ao tratamento justo que a região que produz parte significativa das riquezas do Brasil – sejam elas minerais ou advindas do agronegócio e outros setores -, tenha tratamento justo da parte do Poder Central, em relação à Lei Kandir, ao alto preço que se paga pela energia elétrica, à alta carga de impostos e à falta de incentivos de toda ordem, sobretudo no momento em que o Pará mais uma vez vem sendo preterido pela União, naquilo que tem direito, em favor de outros Estados.

Na oportunidade, em seu discurso, falando aos pecuaristas que o receberam em jantar no Parque de Exposições “José Francisco Diamantino”, Jair Bolsonaro recebeu o documento e, durante seu discurso, ao reconhecer a grave situação por que passa a Economia do País, destacou que, caso seja eleito, não vai, de forma alguma, dificultar a vida dos empresários que, com seu trabalho geram empregos e renda para o País.

O mesmo documento com o mesmo relato e as mesmas reivindicações foi entregue ao também pré-candidato à Presidência da República Geraldo Alckmin (PSDB). Dessa forma, a ACIM está aberta ao diálogo com todos aqueles que postulam cargos no legislativo estadual ou federal, no governo do Estado e na direção do País, que tenham a boa vontade política de ajudar a região crescer e ter o justo tratamento que seus empreendedores e seu povo merecem.